A carregar...

Empresas de diamantes da elite militar e dirigentes do MPLA nas Lunda facturam biliões de dólares/ ano - Samajone

1 1 1 1 1 Como classifica este artigo? 0.00 (0 Votos)

Lunda - Os diamantes da Lunda não valem, nem para construir a estrada entre Xá-Muteba até Saurimo, veja agora a informação que se segue, colhida de uma fonte fidedigna que acompanha o dossier “DIAMANTES EM ANGOLA”.

Fonte: Lunda Tchokwe
No dia 9 de Março de 2012, o Presidente da República, José Eduardo dos Santo, disse na cidade do Dundo que os diamantes produzidos na Lunda, não valiam absolutamente nada para a reconstrução deste território, disse que, era impossível construir a estrada entre Xá-Muteba até Saurimo, desta até ao Dundo ou Luena.

Existem 167 projectos mineiros a nível da Lunda, que são maioritariamente detidas pelos generais das FAA, por MPLA, pela família do Presidente da República e outras a companhias estrangeiras, tais como a fortemente De Beers, os russos, brasileiros, portugueses etc.

Os projectos mais produtivos são Kamutue 1 e 2, produz 300 milhões de dólares/ano, Luó produz 228 milhões de dólares/ano a mina do MPLA, Kamatchiya e Kamajiko produzem 25 milhões de dólares/ano, Lumina produz 240 milhões de dólares/ano, o que perfaz um total de 793 milhões de dólares somente para estas minas.

A fonte que acompanha este processo, não forneceu os resultados dos projectos Catoca, Tchitotolo, SML, Projecto Cuango, Alto Cuilo, Projecto Luangue, Lunguena, etc., para citar alguns. Seguramente estes dados serão lançados proximamente e o valor estará para lá dos biliões anuais.

A filha do Presidente angolano, Isabel dos Santos esta a prepara-se para atacar a última reserva das minas de diamantes no solo da Lunda, o kimberlito de Kayshepa, o mais importante na actualidade, que poderá vir a facturar mais de 150 milhões de dólares/mês ou seja 1,8 bilhões de dólares ano. O valor desta mina, esta no seu diamante que é tudo JOIA 100%...

Segundo a mesma fonte, a produção da mina de KAMUTUE faria 45 anos de exploração, mas devido a exploração indiscriminada este tempo de vida diminuiu para 22 anos, a mesma sorte vai acontecer com o Projecto Catoca, de 49 anos, a capacidade de exploração foi aumentada para diminuir a sua vida em 22 anos.

Na esteira desta exploração frenética e forçada do solo Lunda Tchokwe, não há políticas sobre a devastação do meio ambiente, para as consequências futuras que se espera.

O Presidente da República diz que, não há dinheiro para a reconstrução da nação Lunda Tchokwe, mas houve para construção de grandes infraestruturas que apoiaram o CAN2010, alias nem sequer o regime se dignou em construir um estádio na região da Lunda, construção de Hotéis de alto luxo em Luanda, no geral, a região litoral (Huila, Benguela, Luanda e Cabinda), para a compra de Bancos e empresas em Portugal, até ajudar países e apoiar guerras Africanas, ignorando-se totalmente a LUNDA com tanto potencial económico.

Em toda a extensão da Lunda Tchokwe, não existe sequer um hotel de 4 estrelas ou um estabelecimento digno de receber uma comitiva internacional para uma conferência, por exemplo. As próprias zonas de exploração, não tem estradas, Cafunfo, Cuango, Catoca, Nzaji, Lucapa, Alto Chicapa, Xamiquelengue, Calonda etc.,etc.

O Orçamento Geral do Estado reservado em 2009/2010 para a Nação Tchokwe em kwanzas, veja o quadro aprovado pela Assembleia Nacional foi o seguinte:
Kuando Kubango            10.008.375.672,00  ---- 0,32%
Moxico                          15.637.170.639,00-------0,49%
Lunda-Sul                       8.597.712.105,00-------0,27%
Lunda-Norte                  11.459.353.512,00-------0,36%

O que corresponde em USD 428.409.705,21 para o desenvolvimento das quatro províncias com cerca de 32 municípios e uma serie de comunas, bairros e aldeias, contra 793 milhões anuais de um par de projectos mineiros de senhores generais, MPLA e a família do Presidente, neste valor (793 MUSD), não inclui CATOCA, CHITOTOLO, SML, SMK e outros que aqui não mencionamos.

E no orçamento de 2012, reservado em USD 1.059.111.379,31 que seguramente será inferior sobre aquilo que é explorado no PIB incluindo outras fontes da economia da mesma região da LUNDA Tchokwe.
KK--28.106.803.870,00-------------0,62%------------281.068.038,70
Mox-23.283.011.249,00-------------0,52%------------232.830.112,49
LN---23.103.228.458,00-------------0,51%------------231.032.284,58
LS---31.418.094.354,00-------------0,70%------------314.180.943,54

OBS: no câmbio de 1 USD =100,00 KZ

O povo Lunda Tchokwe vai continuar a enfrentar essas injustiças, humilhações, penalizações, exploração massiva do seu solo, dominação total e cruel do regime instalado em Luanda? Até quando? As reivindicações civilizadas são respondidas com prisões e mortes, diante de um direito legítimo.  

Os assassinatos nas Lundas silenciando seus povos enquanto se açambarcam os diamantes em benefício do mandante e de alguns dos seus generais. O povo Lunda Tchokwe sabe que ninguém vai dar-nos o que queremos, temos que ser nós mesmo a lutar pelos nossos direitos e aspirações naturais. Afinal a Lunda está amordaçada e a precisar de cada um de nós.






Debate o tópico nas redes sociais:





Debate no Club-K:


NOTA: Os comentários postados neste portal são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Por favor, leia os Termos de Uso. O Club-K reserva-se ao direito de moderar os comentários suspeitos de conter palavras ofensivas e apagar os que não cumpram as regras.



Comentários Arquivados:



Actualizar comentários 

+1 carlos pinto 22-07-2013 17:55 #18
Pergunto, para que valeu a luta pela independência, se os que sofreram as agruras da guerra, estão na miséria, com excepção de meia dúzia de generais?
Este governo ángolano estrá ao nivel de Bokassa, Mobuto e outros que tais.
+2 Makubanza 21-07-2013 07:58 #17
sinceramente definitivamente quem vê o seu povo sofrendo e não
reage este não e angolano
+1 AFAMADO 19-07-2013 21:30 #16
O problema não reside no diamante, vejam no passa com o petróleo do zaire. So o soyo cercado de agua nem ela para tomar banho não existe, as crianças ainda estudam debaixo das arvores, não existem programas de governo, não existe nada, a única estrada mal reparada, pior quando chove. Tais generais paraquedistas sem contribuição na luta pela independencia devem mesmo se portar desse jeito. A dada altura o sofrimento educa, o povo há de aprender.
+1 londrino 19-07-2013 12:52 #15
pra Domingos,vende aos Generais das FAAS gatunos dos diamantes na Lunda Ok.
-2 Domingos 19-07-2013 11:17 #14
Vendo uma casa na Camama condomínio aberto boa area para se habitar. Quer não atrases domingosvirgiliosib@gmail.com
+2 Anônimo 19-07-2013 11:13 #13
Não tenham dúvidas que a Lunda desde há muito se encontra a saque de Generais e da família predadora do PR. Desde a exploração a comercialização está a familia do líder incontestável e absoluto de Angola. Os filhos da Lunda não são respeitados incluindo aqueles que são militantes convictos do MPLA. O Ministro da Geologia e Minas esse coitado está proibido de falar em diamantes. Só pode falar de burgau. Diamantes manda o Sumbula, trabalhador da Isabel dos Santos e pai, Kopelipa e Manuel Vicente, um tal corrupto que pretendem impor como futuro PR. Estamos fodidos. Munguenu Angola.
+1 kamaca 19-07-2013 10:24 #12
vejam a desgraça em que se encontra actualmente a ENDIAMA, onde se registaram a fuga de cerca de 19 técnicos superiores por não vislumbrarem qualquer perspectiva o que na visão do presidente Carlos Sumbula constitui uma diminuição de custos , que ipocrisia. hoje a ENDIAMA, só tem o nome de empresa sem sequer qualquer gestão porque perguntem ate aos administradores que não tem qualquer poder, não existe uma extrutura funcional, como haver controlo dessa nossa representante endiama nos projectos se ela mesma não sabe aonde está nem para onde vai. porque não passam um inquérito na endiama ,
+2 Paulino Lituku 19-07-2013 08:04 #11
Têm tudo e, afinal, não têm nada. Não têm dignidade. E o fim deles é péssimo. Deus dá-lhes o castigo merecido. Andam de clinica em clinica a gastar o dinheiro "roubado". Fazem parte da peste que caustica mas depois, desaparece sem deixar rasto nem recordação. É o triste fim desses.
-5 angolano puro 19-07-2013 04:57 #10
Os números aqui apresentados são totalmente falsos. Os generais não são donos de todas as minas. O chitotolo produz em média 17000 quilates por mês a um preço médio de 250USD/qt. Logo seriam 17000x250x12= 51milhões de receita bruta por ano. Tire-se 50% deste valor ( custo operacional) então o resultado liquido será 25, 5 milhões por ano. Agora façam a divisão entre os sócios. Endiama= 45%, Lumanhe=15%, ITM= 40%. Por aqui se vê que alguém que não tem conhecimento da realidade está a tentar mentir o povo.
-4 DIVISAO NAO! 19-07-2013 00:15 #9
Nao caiam nessa trampa, uma coisa eh criticar, discordarmos dos roubos, da corrupcao e violacoes de direitos humanos praticados pelo governo e outra e apoiar esses aventureiros que querem descracar esse Pais dividindo-nos!! !
leftCLUB-K.net é um portal informativo angolano ao serviço de Angola, sem afiliações políticas e sem fins lucrativos cuja linha editorial consubstancia-se na divulgação dos valores dos direitos humanos, educação, justiça social, analise de informação, promoção de democracia, denuncias contra abusos e corrupção em Angola.

O CLUB-K.net foi fundado aos 7 de Novembro de 2000, e é integrado por jovens angolanos (voluntários), com missão representativa em diversos países e reconhecido a nível internacional como uma organização não governamental.

REDES SOCIAIS

NEWSLETTER

Assine a nossa Newsletter para receber novidades na sua caixa de e-mail. "Gosta" da nossa página no Facebook para receber novidades na parede do seu perfil no Facebook.

INSERE O SEU E-MAIL