Empresas de diamantes da elite militar e dirigentes do MPLA nas Lunda facturam biliões de dólares/ ano - Samajone

Lunda - Os diamantes da Lunda não valem, nem para construir a estrada entre Xá-Muteba até Saurimo, veja agora a informação que se segue, colhida de uma fonte fidedigna que acompanha o dossier “DIAMANTES EM ANGOLA”.

Fonte: Lunda Tchokwe
No dia 9 de Março de 2012, o Presidente da República, José Eduardo dos Santo, disse na cidade do Dundo que os diamantes produzidos na Lunda, não valiam absolutamente nada para a reconstrução deste território, disse que, era impossível construir a estrada entre Xá-Muteba até Saurimo, desta até ao Dundo ou Luena.

Existem 167 projectos mineiros a nível da Lunda, que são maioritariamente detidas pelos generais das FAA, por MPLA, pela família do Presidente da República e outras a companhias estrangeiras, tais como a fortemente De Beers, os russos, brasileiros, portugueses etc.

Os projectos mais produtivos são Kamutue 1 e 2, produz 300 milhões de dólares/ano, Luó produz 228 milhões de dólares/ano a mina do MPLA, Kamatchiya e Kamajiko produzem 25 milhões de dólares/ano, Lumina produz 240 milhões de dólares/ano, o que perfaz um total de 793 milhões de dólares somente para estas minas.

A fonte que acompanha este processo, não forneceu os resultados dos projectos Catoca, Tchitotolo, SML, Projecto Cuango, Alto Cuilo, Projecto Luangue, Lunguena, etc., para citar alguns. Seguramente estes dados serão lançados proximamente e o valor estará para lá dos biliões anuais.

A filha do Presidente angolano, Isabel dos Santos esta a prepara-se para atacar a última reserva das minas de diamantes no solo da Lunda, o kimberlito de Kayshepa, o mais importante na actualidade, que poderá vir a facturar mais de 150 milhões de dólares/mês ou seja 1,8 bilhões de dólares ano. O valor desta mina, esta no seu diamante que é tudo JOIA 100%...

Segundo a mesma fonte, a produção da mina de KAMUTUE faria 45 anos de exploração, mas devido a exploração indiscriminada este tempo de vida diminuiu para 22 anos, a mesma sorte vai acontecer com o Projecto Catoca, de 49 anos, a capacidade de exploração foi aumentada para diminuir a sua vida em 22 anos.

Na esteira desta exploração frenética e forçada do solo Lunda Tchokwe, não há políticas sobre a devastação do meio ambiente, para as consequências futuras que se espera.

O Presidente da República diz que, não há dinheiro para a reconstrução da nação Lunda Tchokwe, mas houve para construção de grandes infraestruturas que apoiaram o CAN2010, alias nem sequer o regime se dignou em construir um estádio na região da Lunda, construção de Hotéis de alto luxo em Luanda, no geral, a região litoral (Huila, Benguela, Luanda e Cabinda), para a compra de Bancos e empresas em Portugal, até ajudar países e apoiar guerras Africanas, ignorando-se totalmente a LUNDA com tanto potencial económico.

Em toda a extensão da Lunda Tchokwe, não existe sequer um hotel de 4 estrelas ou um estabelecimento digno de receber uma comitiva internacional para uma conferência, por exemplo. As próprias zonas de exploração, não tem estradas, Cafunfo, Cuango, Catoca, Nzaji, Lucapa, Alto Chicapa, Xamiquelengue, Calonda etc.,etc.

O Orçamento Geral do Estado reservado em 2009/2010 para a Nação Tchokwe em kwanzas, veja o quadro aprovado pela Assembleia Nacional foi o seguinte:
Kuando Kubango            10.008.375.672,00  ---- 0,32%
Moxico                          15.637.170.639,00-------0,49%
Lunda-Sul                       8.597.712.105,00-------0,27%
Lunda-Norte                  11.459.353.512,00-------0,36%

O que corresponde em USD 428.409.705,21 para o desenvolvimento das quatro províncias com cerca de 32 municípios e uma serie de comunas, bairros e aldeias, contra 793 milhões anuais de um par de projectos mineiros de senhores generais, MPLA e a família do Presidente, neste valor (793 MUSD), não inclui CATOCA, CHITOTOLO, SML, SMK e outros que aqui não mencionamos.

E no orçamento de 2012, reservado em USD 1.059.111.379,31 que seguramente será inferior sobre aquilo que é explorado no PIB incluindo outras fontes da economia da mesma região da LUNDA Tchokwe.
KK--28.106.803.870,00-------------0,62%------------281.068.038,70
Mox-23.283.011.249,00-------------0,52%------------232.830.112,49
LN---23.103.228.458,00-------------0,51%------------231.032.284,58
LS---31.418.094.354,00-------------0,70%------------314.180.943,54

OBS: no câmbio de 1 USD =100,00 KZ

O povo Lunda Tchokwe vai continuar a enfrentar essas injustiças, humilhações, penalizações, exploração massiva do seu solo, dominação total e cruel do regime instalado em Luanda? Até quando? As reivindicações civilizadas são respondidas com prisões e mortes, diante de um direito legítimo.  

Os assassinatos nas Lundas silenciando seus povos enquanto se açambarcam os diamantes em benefício do mandante e de alguns dos seus generais. O povo Lunda Tchokwe sabe que ninguém vai dar-nos o que queremos, temos que ser nós mesmo a lutar pelos nossos direitos e aspirações naturais. Afinal a Lunda está amordaçada e a precisar de cada um de nós.






Debate este tópico nas redes sociais:

Comente via Facebook, Hotmail, Yahoo ou AOL!




Debate este tópico no Club-K:

Comente no Anónimato (sem iniciar sessão) ou via Redes Sociais (Facebook, Twitter, Google ou Disqus)!

Quem Somos

CLUB-K ANGOLA

CLUB-K.net é um portal informativo angolano ao serviço de Angola, sem afiliações políticas e sem fins lucrativos cuja linha editorial consubstancia-se na divulgação dos valores dos direitos humanos, educação, justiça social, analise de informação, promoção de democracia, denuncias contra abusos e corrupção em Angola.

Informamos o público sobre as notícias e informações ausentes nos canais informativos estatal.  Proporcionamos ao público uma maneira de expressar publicamente as suas opiniões sobre questões que afectam o dia-a-dia, qualidade de vida, liberdades e justiças sociais em Angola... Leia mais

Contactos

 

  • E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

  • WhatsApp: (+244) 918 512 433 Para uso no aplicativo WhatsApp apenas!

  • Angola : (+244) 943 939 404 

  • Reino Unido : (+44) 784 848 9436

  • EUA: (+1) 347 349 9101 

Newsletter

Assine a nossa Newsletter para receber novidades diárias na sua caixa de e-mail.

INSERE O SEU E-MAIL

// TAG FOR ADVERTISEMENT