Lisboa – José Eduardo dos Santos (JES) sugeriu,  na reunião do secretariado do  BP do MPLA, desta quinta-feira,  o nome de João Gonçalves Lourenço como  possível candidato as presidências nas eleições de 2017, cuja proposta deverá  seguir para discussão interna  da reunião do Comitê Central agendada para esta sexta-feira.  Foi sugerido ainda o nome do ministro da administração territorial  Bornito de Sousa Baltazar Diogo como candidato ao cargo de  Vice-Presidente da República.  

Fonte: Club-k.net
 
Reunião de amanha do  Comitê Central decide se concorda ou não 
 

De acordo com fontes do Club-K, o pensamento transmitido por JES na referida reunião do BP  é  de que ira se manter na liderança do MPLA  até 2018, cumprindo assim a sua promessa de se retirar da vida politica ativa, depois desta data. 
 
 
O assunto sobre a sucessão presidencial foi inicialmente levantada nas   entrelinhas   pelo líder do MPLA  numa reunião da mesma cúpula no passado mês de Novembro.  JES   teria levantado o nome de João Lourenço porém, este julgando-se que estivesse diante de uma “armadilha presidencial”  manifestou  indisponibilidade invocando   motivos de saúde. 
 
 
Nesta mesma   reunião,   o veterano Kundi Paihama teria pedido a palavra para dizer   ao Presidente que não deveria se pronunciar nestes termos porque no seu ponto de vista, pode  precipitar a interpretações erradas que causam   guerra. 
 
 
Para reunião de amanha é aguardada a posição e decisão final dos membros do Comitê Central se aceitam ou não a descontinuidade de José Eduardo dos Santos no poder.  Os governadores provinciais Kundi Paihama e Joanes André são dados  como lideres  de uma corrente partidária  que se opõem pela saída de Eduardo dos Santos da liderança do país.  
 
 
 


DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: