Lisboa – A campanha eleitoral do candidato do MPLA, às próximas eleições tem como  entusiasta o Chefe da Casa de Segurança da Presidência da Republica,   general Hélder Manuel Vieira Dias “Kopelipa”.
 
Fonte: Club-k.net
 
Neste fim de semana, uma equipa de  reportagem da TPA, - despachada a província de Malanje para cobertura do acto de apresentação de João Lourenço aos militantes  -  apresentou imagens em que via-se o general  “Kopelipa” no palco a dar orientações a um “staff” na qual integrava também um oficial da Policia Nacional. 
 
 
O general “Kopelipa” é o quadro do regime a quem o Presidente José Eduardo dos Santos (JES) confia o dossiê da realização  das eleições, em Angola, desde 2008. É a figura que na pratica controla a CNE por intermédio de dois técnicos do seu gabinete colocados como consultores deste órgão eleitoral. Tratam-se do Tenente-General Rogério José Saraiva e o Coronel Anacleto Garcia Neto), ambos  especializados em comunicações e engenharia.
 
 
O Tenente-General Rogério José Saraiva e o Coronel Anacleto Garcia Neto, técnicos especializados de comunicações, engenharia eléctronica e informática, subordinados do General Kopelipa, foram os operativos que dirigiram o processo de selecção e formação do pessoal que trabalhou tanto nos centros oficiais de escrutínio como nos centros clandestinos de escrutínio para subverter as actividades de apuramento, através de tecnologias e equipamentos de programação prévia de intersessão de dados.
 
 
Num recente debate  que se pretendeu alterar   a lei geral das   eleições a UNITA,  pediu a  presença do general “Kopelipa” no parlamento para que o mesmo respondesse sobre o seu papel em influenciar na alteração dos resultados eleitorais.  A Bancada parlamentar do  MPLA rejeitou o pedido alegando que convocariam  o general para uma reunião na   sede do partido para o interrogarem.
 
 
Tema relacionado 
 


DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: