Luanda – O novo governador do Banco Nacional de Angola (BNA), José de Lima Massano baixou recentemente uma orientação aos bancos comerciais determinando que doravante cada cidadão ser-lhe-á apenas permitido a transferência mensal do equivalente a 500 euros para o exterior do país para motivo de ajuda familiar.

Fonte: Club-k.net

Cada pessoa poderá apenas transferir 500 Euros por mês

A medida está a causar desconforto tendo em conta que segundo pareceres, 500 euros por mês é um valor que na europa é insuficiente para suportar quem por lá tem família ou filhos a estudarem.

 

“O Doutor Massano, ao tomar estas medidas, nem parece que é alguém que estudou fora do país e que sabe que viver com 500 euros em Portugal, é um sacrifício inaceitável”, lamentou uma fonte próxima a elite angolana.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: