A carregar...

Artigos

Igreja Católica continua à perseguir Domingos da Cruz

1 1 1 1 1 Como classifica este artigo? 0.00 (0 Votos)

Luanda - Igreja católica elaborou um programa de perseguição ao escritor e jornalista Domingos da Cruz. De acordo com as fontes a que o Club-k teve acesso, o livro “Quando a guerra é necessária e urgente”, que foi proibido sua publicação pela Igreja em parceria com o poder político, foi parar na livraria do Centro Apostólico em Malanje, à convite da Diretora daquele centro, Irmã de nacionalidade Brasileira, Tânia, que nutre simpatias para com o autor.


Fonte: Club-k.net

Poucos dias depois, o livro foi retirado das bancas a mando de orientações  da hierarquia da Igreja, entende-se, bispos da CEAST. O mesmo aconteceu com os livros que estavam a ser comercializados no ICRA de Malanje.


Como se não bastasse, a Igreja elaborou um plano que visa discredibilizar o autor, que se consubstancia em ordenar pessoas que conviveram com ele em conjunto com o SINFO para escreverem textos para responder aos seus artigos no Folha8, e quando for necessário inventarem cenas com as quais os angolanos já se acostumaram.


Conforme o escritor diz na obra que existe em Angola duas ditaduras que andam lado à lado: a ditadura episcopal e a ditadura política, que estes factos sucessivos confirmam.


É caso para dizer que os angolanos justos e de bem devem se preparar para a morte de mais um, conforme foi com Nfulupinga N. Victor.






Debate o tópico nas redes sociais:





Debate no Club-K:


NOTA: Os comentários postados neste portal são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Por favor, leia os Termos de Uso. O Club-K reserva-se ao direito de moderar os comentários suspeitos de conter palavras ofensivas e apagar os que não cumpram as regras.



Comentários Arquivados:



Actualizar comentários 

0 Deodato G. Mundanda 06-03-2012 05:49 #32
E bastante triste que de baixo da ponte dos Angolano, a escuridão irradia a nossa pobre e cega visão que encerne a nossa nebulosa sociedade. O grande bloqueio e a encriptação da matéria favorável, que tem como êxito libertar certas consciências vadias, que envaidecem de formato triste a politica do *SIM CHEFE* resulta de um mandato governal tímido frouxo e ditatorial da velha cultura de purgas, que asseguram o rebanho Apocalíptico do falso legado de governação da forma baixa e carnificinosa. Existe em Angola duas elites gigantescas que veiculam o rendimento moto-rico e gráfico das populações de massas, ao declive da projecção linear, dentre as quais encontra-se infalivelmente : 1- *O Partido do Poder & a Religião*, que de forma afectuosa e silenciosa as duas elites trabalham na mesma faixa de rodagem.
0 Mvemba Motumona 10-06-2011 19:33 #31
Isto é um cúmulo…
0 Pundo 10-06-2011 19:25 #30
Viva os Toquistas e os Kimbanguistas. Viva a religiao original de Africa. Sem originalidade nao existe criatividade.
0 Silivondela 10-06-2011 16:50 #29
"Como se não bastasse, a Igreja elaborou um plano que visa discredibilizar o autor, que se consubstancia em ordenar pessoas que conviveram com ele em conjunto com o SINFO" Mas em Angola é tão fácil assim acusar quem quer que seja? E SINFO é que? Existe em Angola? Mas como vcs mesmo dizem que em Angola não se faz justiça que fzr? Se acusa A,B,C,D...ningu ém reage, ninguem julga ninguém, ninguem se sente ofendido.
0 jovem ninguém 10-06-2011 09:59 #28
Dizem servir a Deus mas os seus coraçoês estão longe dele, desde os primordios da historia que a igreja comete fornicação com a politica ,matem enquanto podem pois o vosso fim esta proximo, seus farizeus modernos há de chegar o dia em que este mpla que voçês apoiam acabará com todos voçês, esta proximo o fim de babilonia a grande!!!!
0 dacena 09-06-2011 20:40 #27
A CEAST é umbando de Fariseus, é uma pena. Uma igreja vergonhosa e bispos sem chama e valor.
0 Jojo Kitumba 09-06-2011 18:53 #26
Sempre os cotolicos estivram ao lado do MPLA-JES,no reino do kongo os jesuitas mataram a senhora kimpavita por causa de intgeresse obscuros, mataram o bispo Teca meteram uma bomba no elicoptero sacrificaram toda gente que la estiveram, so porque um bispo nao pactuavam com ideias deles ele pactuava a divisao politico admintrativo da igreja entre sao tome e angola, o MPLA -JES e Bispo do Nascimento nao toleraram este tipo de desafio que foi lançado pelo bispo Teca, acharam melhor eliminar fisicamente o bispo teca um bakongo era suspeito. soa catolicos que triaram a manifestaçao de jovem de 7 de março sao mafiosos, que deixam la o escritor Dimingos da cruz em paz.
0 Luzolo 09-06-2011 14:33 #25
Diz o ditado: " a minha liberdade termina onde começa a liberdade de outro". Quando a obra de escritor que não li, mas pelo teor da contra capa não se pode esperar outra reação senão impedir que a obra de senhor Domingos seja vendido nas livrárias Católicas. Penso que o senhor jornalista e escritor Domingos da Cruz foi imprudente ao afirmar que o episcopado angolano é comprado pelo regime do MPLA. É sabido que alguns membros do episcopado de Angola são do MPLA, mas não se pode afirmar categoricamente que todo episcopado seja comparado pelo regime vigente do MPLA. A premissa da afirmação que está na contra capa do livro que foi publicado é falaciosa porque o autor faz uma geralização dando a entender que todos bispos são do MPLA. Isso não é verdade e nem todos bispos são comprados. Digo isso porque há bispos que são críticos do regime, embora reconheço que os bispos poderiam ser mais condundentes em reprovar atos que ferem a liberdade dos cidadãos; eles poderia exigiar mais ao regime não só através de mensagens episcopais que não atingem a grande nata do regime. Mesmo quando se fala de bispos ou cleros corrompidos deveria citar nomes. No meu entender o senhor Domigos cometeu alguns exageros. Seja bem vinda crítica construtiva mas devemos ser responsáveis no que escrevemos e falamos. Portanto o que o senhor jornalista está passando é apenas consequência da situação que ele mesmo criou. Agora não espera que seja abençoado pelo clero depois de ofender os bispos de sua generalidade. Porque nem todos bispos são corrompidos pelo MPLA e nem todos são do MPLA. Agora devemos respeitar a escolha de cada um desde que não se desviem da vocação deles de servir a Igreja e não ao regime do MPLA.
Viva a liberdade responsável.

Frei Luzolo.
0 uaia 09-06-2011 13:38 #24
tudo sai a superfície e agora? falam mais?!!!?
0 joli 09-06-2011 13:15 #23
Acho que tudo isso esta relacionado com as verdades do primeiro livro de Domingos da Cruz Para onde vai parar Angola.
Será que voltamos nos séculos passados sebem que a catolica também esta com olho na massa.......... .............DJ EI
leftCLUB-K.net é um portal informativo angolano ao serviço de Angola, sem afiliações políticas e sem fins lucrativos cuja linha editorial consubstancia-se na divulgação dos valores dos direitos humanos, educação, justiça social, analise de informação, promoção de democracia, denuncias contra abusos e corrupção em Angola.

O CLUB-K.net foi fundado aos 7 de Novembro de 2000, e é integrado por jovens angolanos (voluntários), com missão representativa em diversos países e reconhecido a nível internacional como uma organização não governamental.

NEWSLETTER

Assine a nossa Newsletter para receber novidades na sua caixa de e-mail. "Gosta" da nossa página no Facebook para receber novidades na parede do seu perfil no Facebook.

INSERE O SEU E-MAIL