Luanda - Para muitos que batem palmas porque o Estado vai fechar as igrejas, o discurso do Governo é: "PASTORES ESTÃO A ROUBAR O POVO", Analisemos a intenção do Estado:

Fonte: Club-k.net

"Para reconhecer uma igreja o MPLA exige 60.000 assinaturas reconhecidas no notário que aproximadamente nos custaria 112 milhões de kwanzas para cada igreja Como são 1.000 igrejas na lista de espera 112.000.000kz x 1.000 Igrejas = 112.000.000 000kz (cento e doze mil milhões de kwanzas) isto porque cada assinatura ou seja cada pessoa vai pagar no notário".

Conhecemos os líderes que desviaram o dinheiro neste país, os do branqueamento de capitais, os dos enriquecimento ilícito, mais de 4 pessoas têm mais dinheiro que todo OGE de Angola, atenção: NENHUM DELES É PASTOR OU LÍDER RELIGIOSO.

Querem aumentar as receitas do estado, se refugiando na igreja, vocês roubam nos cofres, o povo cristão é que paga? Querem dinheiro, basta terem bom coração e devolverem nos cofres do Estado; assim como também os créditos bancários que se negam devolver.

Se legalizar uma casa, empresa, até mesmo uma simples quiosque ou cantina, não se legaliza em 30 dias, como só a igreja vai faze-lo em 30 dias? Ontem, sobre tudo na fase das eleições, nos mentiam sermos parceira do Estado, hoje já viramos que nem rebeldes e inimigo do Estado??? Se os Partidos políticos têm parte no Orçamento do Estado nem é preciso 60.000 assinaturas; países mais sérios e mais organizados do que Angola nem isso exigem, só em Angola se obrigada para as igrejas?

Ontem nos mandaram erguer os olhos ao céu juntar a igreja (dita legal e ilegal) na cidadela e em outros lugares similares, para nos unirmos e levantar clamor pela paz em Angola, hoje com o calar das armas nos mandam fechar as igrejas? Sem medo de errar: a paz não foi resultado de acordos do suposto arquitecto da paz, mas resultado do clamor da igreja, hoje esquecida.

Angolanos acordam, investigam também, não se limitam nas decisões criadas, nas publicidades da TPA, Rádio, jornais e redes sociais; acredito que o programa na lente supostamente foi só uma armadilha para destruir igrejas.

As Discotecas, maratonas, a empresas Cuca e Nocal, os diversos casinos, concursos de miss, casas de kimbanda e maçonaria, top Kuduro, rav's e sunset's, destroem mais famílias que qualquer igreja. Quem diz que não, me prova.

Quantos doentes ficaram curados nas igrejas, as igrejas unem e criam mais casamentos que qualquer organização, a igreja é contra divórcios e fuga à paternidade, muitos malandros gatunos, bêbados, homossexuais, prostitutas e drogados ficaram puros e curados na igreja, ME DIZEM QUAIS INSTITUIÇÕES FIZERAM O MESMO OU MAIS DO QUE IGREJA DE ACORDO O PARÁGRAFO QUE ANTECEDE???

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: