Lisboa – A Clínica angolana "Girassol", realizou com sucesso, na passada segunda-feira (8), uma intervenção cirúrgica para implante de um “pacemaker” que teve como paciente, o histórico e antigo Primeiro Ministro, Lopo Fortunato Ferreira do Nascimento, 78 anos de idade.

Fonte: Club-k.net

Lopo do Nascimento que geralmente recebe tratamento no exterior do país (África do Sul e Espanha) viu-se, desta vez, impedido de viajar devido a pandemia do Covid-19 acabando por “arriscar-se” a submeter-se a operação em território nacional.


Em convalescia, o histórico do MPLA recebeu, nesta quarta-feira a visita do Presidente da República, João Lourenço, que o transmitiu algum conforto.


Segundo o site "tuasaude", o pacemaker é um tipo de aparelho que é implantado no coração capaz de regularizar as batidas cardíacas. Ele está indicado para pessoas que sofram de doenças que geram arritmia cardíaca, como a bradicardia e a taquicardia.


Na bradicardia o coração bate mais lentamente do que deveria, aqui o pacemaker ou marcapasso, como também é conhecido, entra em ação e aumenta as batidas cardíacas. Já na taquicardia, o coração bate de forma mais acelerada e o pacemaker é útil para regularizar essas batidas, tornando-as mais uniformes.


Para a colocação do marcapasso é preciso realizar uma cirurgia e esses doentes deverão ter cuidados especiais, como evitar usar o celular no bolso esquerdo da camisa e andar sempre com um documento que comprove o seu uso, pois as portas com detectores de metais serão sempre ativadas pelo pacemaker.


Pessoas que possuem um marcapasso no peito podem ter uma vida normal e até mesmo fazer atividade física. O pacemaker tem a duração de 5 anos, sendo necessário realizar a sua troca, através de outra cirurgia.

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: