Luanda - O relatório do Índice Global de Inovação(IGI) deste ano, colocou Angola na posição 132, numa lista de 132 países, cuja liderança é ocupada pela Suíça.

Fonte: PortalDeti

O IGI 2021 avaliou as mais recentes tendências mundial em matéria de inovação e classifica o desempenho dos ecossistemas de inovação de 132 economias, destacando os pontos fortes e fracos na área da inovação e indicadores sobre os gastos em pesquisa e desenvolvimento ou o acesso a financiamento para a inovação, a fim de oferecer uma visão do impacto da pandemia.

 

O relatório mostrou que Angola registou poucos feitos no campo da inovação, comparando-se com os demais países avaliados no presente ano 2021. Para o continente africano, a África do Sul, o Quénia e a Tanzânia ocupam respectivamente os três primeiros lugares dos países africanos com fortes indicadores de inovação.

 

A nível global, os países com fortes indicadores de adopção de mecanismos inovadores são: a Suíça, a Suécia e os Estados Unidos da América.

 

O IGI 2021 observou que o investimento em inovação demonstrou forte resiliência durante a pandemia da COVID-19, alcançando novos recordes. O investimento em inovação atingiu o seu nível mais alto antes da pandemia, com um crescimento excepcional de 8,5% nas actividades de pesquisa e desenvolvimento. E a publicação de artigos científicos inovadores em todo mundo cresceu 7,6%.

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: