Luanda - Um padre da paróquia de Santa Madalena, igreja católica, foi baleado na noite de terça-feira, no município do Cazenga, em Luanda, durante um assalto a residência paroquial.

Fonte: Angop

Em declarações hoje, quarta-feira, à ANGOP, o porta-voz do comando provincial da Polícia Nacional, superintendente Nestor Goubel, disse que a acção ocorreu por volta da uma hora e 40 minutos da madrugada, no bairro Kalawenda, rua das condutas no interior da residência da paróquia.

 

Segundo o oficial, o padre identificado por Daniel de Sousa Fernandes foi atingido com um disparo na perna direita e encontra-se a receber tratamento médico e medicamentoso.

 

De acordo com o responsável, dez assaltantes munidos de uma arma de fogo do tipo Akm roubaram 400 mil Kwanzas, uma viatura, três computadores portáteis, quatro telemóveis, um relógio de pulso e meteram-se em fuga.

 

O facto ocorreu quando os dois padres se encontravam na residência paroquial e foram surpreendidos pelos meliantes, trajados a civil e sob ameaça de morte, esclareceu.

 

No entanto, o padre superior dos Missionários do Verbo Divino, Daniel Malamba, afirmou que a bala que atingiu a perna direita do padre, durante o assalto, não atingiu o osso e a vítima está bem apesar do ferimento.

 

Contou que durante o assalto os meliantes escalaram o primeiro andar da residência, amarraram os membros de um dos padres e levaram o outro como refém e escudo.

 

" Eles fizeram o padre de escudo, desconfiados de uma possível intervenção da Polícia Nacional, para a fuga, e antes de subirem para a viatura roubada, mesmo sem resistência, disparam contra o padre, " explicou o padre que tomou conhecimento via telefonema feito por um dos padres da casa paroquial.

 

Referiu que " estamos a orar para que estes pecadores se convertam e sejam perdoados, e vamos também fazer uma corrente de oração para a educação da juventude e de toda sociedade, pois a pobreza não justifica os actos desta natureza".



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: