Lisboa - Razões de força maior (saúde) levaram com que o Presidente João Manuel Gonçalves Lourenço, não participasse, este ano,  na 77ª sessão da Assembleia Geral da ONU, em Nova Iorque sacrificando a oportunidade que teria desta vez para  um momento em que iria pousar (para uma foto) ao lado do Presidente norte americano Joe Biden, a margem deste importante  evento mundial. 

Fonte: Club-k.net


Fez-se representar  pela Embaixadora Maria de Jesus Ferreira

Para cobrir a ausência do Chefe de Estado angolano, o mesmo indicou para o representar a Representante Permanente da Missão junto das nações Unidas, a Embaixadora Maria de Jesus Ferreira, chefiando um delegação na qual fazem parte os Embaixadores Itinerantes José Alves Primo e Isabel Mercedes da Silva, e a Delegada Permanente de angola junto à UNESCO em Paris, Ana maria de Oliveira.


A ausência pela primeira vez do Chefe de Estado angolano João Lourenço, acontece numa altura em no seu discurso de tomada de posse declarou “ruptura” com a Rússia, em troca de não perturbação eleitoral por parte dos Estados Unidos da América.


Apesar de as autoridades angolanas não terem comunicado nada sobre o estado de saúde do Estadista, optando pelo secretismo, fontes do Club-K, atestam que em círculos restritos do regime ventila-se com certa convicção de que de terá sofrido Ataque Isquêmico Transitório (AIT), que poderá ter sido provocado pela subida da tensão arterial logo após o desfecho dos resultados eleitorais. Há relatos que não ganhou as eleições de 24 de Agosto conforme desejava mas que a Comissão Nacional Eleitoral e o Tribunal Constitucional ajudaram a inverter o quadro fazendo-lhe vencedor.


Há igualmente insistentes relatos - não oficiais - sugerindo que está com dificuldades de mover um dos braços por conta da aludida lesão pelo que o médico Vasco Sabino da Silva que o assiste, terá sugerido repouso e uma deslocação a Espanha para sujeitar-se a fisioterapia para se recuperar.


Ao público, a pagina oficial da Presidência angolana, escreve em breves linhas nesta sexta-feira (23) que “o Presidente da República, João Lourenço, deixou a meio da manhã de hoje a capital do país, Luanda, com destino ao Reino de Espanha, país onde permanecerá por alguns dias em visita de carácter privado”.

 

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: